Sair da zona de conforto dói!

22/05/2019 Cintia Romano

Sair da zona de conforto dói!

Costumo comparar a zona de conforto ao útero materno: um lugar protegido, quentinho e que nos fornece alimento, ainda que, em um determinado momento, fique desconfortável e apertado.

Tendemos a então, preferir o conforto desse “útero”, do que nos aventurar em águas desconhecidas.

Aí é que está o dilema: é legal aproveitar todas as coisas boas que a zona de conforto nos fornece.

Mas chega determinado momento da vida que queremos mais, que precisamos de mais pra conquistar nossa realização pessoal.
É nessa fase que “empacamos”, porque por mais que o “útero” já esteja pequeno para nós, não queremos sair de lá!

Metaforicamente, romper a fase de sair do útero em busca da luz, é um grande desafio pessoal.

Há 2 anos eu consegui sair da minha zona de conforto. Abri mão de uma vida estável, com casa montada, emprego público e rotina redondinha.

De uma hora pra outra, eu não sabia nem onde iria morar. Se foi fácil? Absolutamente não. Se valeu a pena? Infinitamente sim!.

Viajar por águas desconhecidas é um aprendizado e tanto. Descobrimos virtudes que não imaginávamos que tivéssemos.

Mesmo com medo, a coragem se manifesta. A decisão aparece. A pró-atividade surge.A gente amadurece pra caramba. E se orgulha das pequenas e grandes conquistas.E novas perspectivas florescem.

No Comments

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

E-Book Grátis!

Quem somos

Quem somos

Olá! Eu sou a Cintia. Eu e minha família atualmente moramos na região de Lisboa, Portugal, mas já moramos em Berlim, Alemanha, antes de mudarmos para cá. Aqui falarei sobre o nosso dia-a-dia, literatura infantil, passeios, viagens com crianças, burocracias, como foi nossa mudança do Brasil para a Alemanha e da Alemanha para Portugal (ufa!), as dificuldades iniciais, adaptação, cidadania italiana e muito mais! Leia Mais

SIga-nos!

Categorias

ültimos Posts

×